sábado, 30 de abril de 2011

NOVO PROJETO

Está surgindo um novo projeto. . .
Tou cheia de ideias!
Jonatha Albuquerque, Rick Galdino, Thiago Sampaio e eu estamos envolvidos num novo projeto pela Cia do Chapéu. Tenho pesquisado, lido, estudado bastante o mundo da performance art. Depois dos estudos e processo de Rojo, tenho me sentido muito simpática ao teatro alternativo e contemporâneo. Desafio! Mas eu tou topando riscos e cheia de vontade de acertar!

sexta-feira, 29 de abril de 2011

Estreia hoje: Espetáculo "Graças" - contemplado com o Prêmio Alagoas em Cena

O espetáculo teatral da Cia. do Chapéu,

estreia no dia 29 de abril, na Escola Municipal

Major Bonifácio Silveira.

No dia 29 de abril, a Escola Municipal Major Bonifácio Silveira recebe o espetáculo Graças, da Cia. do Chapéu, às 20h30. Contemplado com o Prêmio Alagoas Em Cena, Graças é uma livre adaptação da obra “Vidas Secas”, de Graciliano Ramos. A montagem pretende expor, através dos olhares de quatro lavadeiras, histórias que retratam a condição social de uma família de retirantes do sertão brasileiro. Publicado em 1938, o romance, exibe vários problemas sociais, dentre eles a pobreza, a seca e a fome. O livro, referência na literatura nacional, foi premiado em 1962, com o prêmio Fundação William Faulkner (EUA), como o livro representativo da Literatura Brasileira Contemporânea. Sob a direção de Jonatha Albuquerque, o espetáculo traz para o público uma mistura de textos e músicas, em um circulo de chão batido, mostrando a realidade dos retirantes nordestinos, que ainda se repete nos dias atuais. O espetáculo traz as atrizes Joelle Malta, Laís Lira, Natalhinha Marinho e Tácia Albuquerque e o músico André Cavalcanti.


O grupo A Cia. do Chapéu iniciou suas atividades em 2002, realizando intervenções artísticas, performances teatrais e improvisações no Centro de Maceió, unindo o teatro a vida cotidiana. Têm em seu repertório três espetáculos montados: Apesar de você, Alice!? e Uma noite em Tabariz. O grupo tem experiências voltadas as intervenções cênicas e urbanas e promove anualmente a Jornada de Intervenções. Em 2010, juntamente com grupos locais, fez a produção da I Livre Conferência de Teatro/Alagoas. Neste novo espetáculo, Graças, contemplado com o ‘Prêmio Alagoas Em Cena’, o grupo vai às ruas numa livre adaptação da obra “Vidas Secas” do autor alagoano Graciliano Ramos.


SERVIÇO Estreia Espetáculo: Graças Grupo: Cia. do Chapéu Local: Escola Major Bonifácio Silveira (Bebedouro) Data: 04/05 Horário: 20h30 Mais informações: (82) 9913-7794

Natalhinha Marinho

Sinopse


O espetáculo, que conta histórias através das lavadeiras dos rios, passa a realidade de uma família de retirantes nordestinos que sofrem com a fome, a seca e a pobreza. “Na planície avermelhada os juazeiros amargavam duas manchas verdes. Os infelizes tinham caminhado o dia inteiro, estavam cansados e famintos.” Vivendo em condições subumanas, os personagens narrados pelo autor, relatam com astúcia as questões sociais da realidade brasileira, em um caleidoscópio de emoções e sentimentos. Numa adaptação da obra Vidas Secas do Mestre Graciliano Ramos, a Cia. do Chapéu exibe o drama de uma família retirantes e a crítica social que o livro traz, para mostrar o sertão nordestino através do teatro e da música. O espetáculo traz as atrizes Joelle Malta, Laís Lira, Natalhinha Marinho e Tácia Albuquerque e o músico André Cavalcanti, sob a direção de Jonatha Albuquerque.

Aliceeee!?

Oi ? Arte - Alex Walker (ArtWork)