...

O meu maior problema é PENSAR ALTO.
Eu tenho tentado mudar a dificuldade de falar, de expôr minhas opiniões e questões, de não sufocar com as palavras presas na garganta (que me renderam hipertireoidismo e gastrite crônica, pois é, somatizou!)...
Mas, tendo percebido que não tenho medido palavras, seu peso, as consequência de serem ouvidas e ditas!

Ou será, que tem sido tão dificil me desprender do medo de dizer, enfim,... que me pesa?

Do que adianta falar se isso não me alivia, já que depois eu fico remoendo, pensando se fiz o certo, me sentindo culpada?!

Do que adianta???

Preciso digerir antes de falar e não me envolver tão emocionalmente com as coisas. Ser fria? Não é muito a minha cara!

Vou refletir!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog